terça-feira, 15 de Março de 2011

"PRIMEIRO-MINISTRÓMETRO" DE PASSOS COELHO ESTÁ AVARIADO

Já toda a gente percebeu que Passos Coelho será, muito provavelmente, o próximo Primeiro-Ministro nacional. Sendo o senhor e a sua capacidade uma incógnita, espera-se - e não é difícil conseguir - que não seja pior que o actual inquilino de S. Bento.
Ora bem, esclarecido esse ponto, aqui na Taberna - que está sempre à frente do seu próprio tempo no que toca à  análise e projecção políticas - já se discutem os porquês de Sócrates, seguramente o PIOR Primeiro-Ministro desde o 25 de Abril de 1974, ainda não ter sido apeado do poder, face ao acumular dramático de disparates, incompetência e arrogância de que há memória desde  que a democracia se instalou.
Fernando Sarrisco, um "analista" encartado, residente em Ribela - a terra da ciência - saiu-se há dias com uma teoria com muita substância e que, seguramente, arreda para um canto alguns analistas ditos de nomeada que arrastam os seus pesados e freteiros rabos pelas cadeiras das televisões, destilando disparates com uma alarvidade que faz dó.
A teoria é de "uma geometria simples! e é a seguinte:
« - Oh pá, o Pedro Passos Coelho (PPC) tem o "Primeiro-Ministrómetro" avariado. Porque o gajo quer chegar lá, mas quem o colocou lá na chefia do PSD é que lhe anda a desligar o aparelho da corrente, a baixar e a subir a tensão, porque se calhar o PPC não sabe gerir o apetite da malta laranja, pá! Aquilo é uma maquineta com um ponteiro que quando está perto do máximo, alguém trata de o mandar para trás, lançando a confusão no PSD e dizendo coisas para os jornais e televisões. É alguém que já percebeu que no estado em que o país está, qualquer borra-botas pode lá chegar, logo não tem interesse que o PPC chegue a 1º Ministro. E depois há os barrigudos como o Pacheco Pereira que agora anda lá de segredos com o António Costa de Lisboa que, como é público, anda a preparar-se para tomar o lugar ao Sócrates. Logo o Pacheco anda a defender que o Sócrates deve ir até 2013, em nome da "estabilidade" para ver se sai o PPC, vai outro que ele aprove e, claro, o Costa se espalhe em Lisboa que nem para a capital ele é bom! E ele diz aquilo tudo sem se rir, porque a barba dele serve também para isso. O Pacheco é um cata-vento vestido de intelectual, pá!
O que estes gajos querem é que o país fique tão mau, tão mau que NINGUÉM consiga levantar esta M#%?a e, assim, ninguém passa por incompetente e finalmente, dão esta m#%?a aos espanhóis para tomar conta disto.
Oh pá, vocês abram os olhos. Estes gajos são todos a mesma m#%?a! Querem é governar-se a eles!»
Perante esta simplicidade analítica, penso que está tudo dito. Está lançada a confusão e o país segue, tranquilo rumo ao abismo!


10 comentários:

Jorge Neves disse...

Estive a ouvir com atenção as “falsas” palavras do Primeiro-ministro José Sócrates, como era de esperar acusou o PSD, que na minha opinião também tem a sua responsabilidade pelo estado a que Portugal chegou.
Já não pega a expressão pelo superior interesse de Portugal, a maneira como o disse várias vezes, faz-me lembrar a tirania e a sede do poder.
Está visto qual vai ser o nosso futuro a médio prazo, basta ter escutado o que os representantes dos partidos com assento parlamentar afirmaram, ou seja vamos todos para eleições em Julho.
Começou hoje a pré campanha eleitoral!
Está na hora de todos os portugueses de uma vez por todas acordarem e reflectirem como têm votado nos últimos 35 anos, todos nós temos culpa do estado em que nos encontramos

Anónimo disse...

Eu tambem ouvi mas foi o discurso do Passos Coelho. É isto que quer ser o 1º Ministro? acham mesmo? mas o que é que foi aquilo? como dizem noutros comentários, propostas para resolver a situação nem uma.

Anónimo disse...

Jorge Neves, so se for voce, que seja um dos que esteja enganado votar nestes ultimos 35 anos.
Acordar! é isso!
tamos a dormir a 6 anos!
Passos Coelho, é que vai dar as propostas certas na campanha eleitoral... e no GOVERNO!

Anónimo disse...

isso, é ele mesmo. Ele e os barões que vão estar por trás a dar as dicas: ó Pedro, Serviço nacional de Saude, quem quer ir ao hospital que pague ou faça um seguro de saude á americana. Emprego? sim, pra nós e para os nossos, os outros que vão esperando e nós vamos andar 4 anos a culpar o sócrates. Seg. Social, bancos, tribunais, hospitais???tudo privatizado para os Mellos e outros que o nosso colega Dias Loureiro que está em cabo verde precisa de voltar.Combustiveis? ó pá, que andem a pé. Então se fomos nós que liberalizámos os preços vamos agora voltar atras?Propinas? é pró dobro. Querem todos ser doutores mas isto vai voltar ao antigamento. Só Bernardos e Martims é que tiram cursos. Os filhos dos pobres que vão pra electricistas ou pedreiros.Impostos? chama-se a ferreira leite que é perita em aumentá-los e criar novos sem a malta dar por isso. E há mais, muito mais. Deixem-no ir pra lá que ainda vão pedir, já não digo o sócrates, mas ainda vão pedir o regresso do guterres.

Anónimo disse...

Mas não é isso que está a acontecer?
Vais ao hospital e não pagas?
Na justiça, também não?
Votem em quem quiserem, ou melhor deixem estar tudo como está.
Não vale a pena esta luta.

Anónimo disse...

ó Meu Deus!!! agora pagas meia duzia de euros das taxas moderadoras. Com o Paços Coelho passas a pagar o mesmo que nos privados. Vais lá ás urgências e deixas 40 ou 50 euros. Ou então tens um belo seguro de saúde que cubra isso. Nos tribunais, em vez de pagares meia duzia de euros por uma certidão passas a pagar 100 ou 200 euros. É pá. Se achas que é a mesma coisa desejo-te desde já umas rápidas melhoras.

Anónimo disse...

Vê-se mesmo que não pagas nada nos hospitais, ou por sorte nem lá vais. Não fazes a minima ideia de quanto se paga, em taxas, dos exames...
Sabes quanto custa só iniciar uma defesa num tribunal, para cima de 300 euros, fora o advogado.
Fala assim, quem vive à pala dos papás e não sabe o que se passa à nossa volta!
Ao menos pergunta antes de fazeres aqui comentários deste tipo.

Anónimo disse...

Já agora Paços escreve-se assim: Passos.

Jorge Neves disse...

Em casa de assistencia à familia.
Deixa-me rir...
Fui com a minha filha de 14 anos às urgencias do hospital, quando saimos de lá só tive de pagar de taxa moderadora e exames 43 euros.

Anónimo disse...

já agora, quando quiseres formular uma pergunta põe um ponto de interrogação e não uma vírgula. Quero lá saber se é Paços ou Passos. Se é doutor ou eng. Gostava era de ouvir uma medida ou ideia que ele tenha para resolver a situação.

Quantoa ao s. Jorge, as melhoras para si.

Related Posts with Thumbnails