segunda-feira, 9 de agosto de 2010

PCP DE PENACOVA QUEIXA-SE DE DISCRIMINAÇÃO


A taberna acabou de receber um comunicado do PCP de Penacova a dar conta de algum desconforto relativamente àquilo que apelidam de “falta de tratamento equitativo, por comparação com as restantes forças políticas concelhias”.


Diz o documento que “o Homem das Tabernas raramente brinca com os comunistas do concelho de Penacova, devendo os taberneiros ter em consideração que toda a publicidade é bem-vinda para os pequenos partidos, mesmo quando é má.”

A rematar, o comunicado sublinha que, “ao contrário de outros, nunca caiarão em tentação de atacar a Taberna, mesmo quando se acharem mal retratados pelo humor dos seus taberneiros.”

Nota do Homem das Tabernas: Os taberneiros registam o relevo dado a este humilde espaço pelo PCP/Penacova e aproveitam para esclarecer que a Taberna não se sente obrigada a distribuir a sua atenção pelas diversas forças políticas, até porque não somos um órgão de comunicação social, deixando antes que a narrativa se vá fazendo ao sabor das diferentes inspirações dos seus autores. Custe a quem custar. E custa a muita gente, como devem ter reparado.

25 comentários:

Anónimo disse...

Com a audiência que tem, o Homem das Tabernas está para a CMPenacova como o "Jornal Nacional" da TVI esteve para o Sócrates. Ponham-se a pau teberneiros!

Homem das Tabernas disse...

Os taberneiros agradecem a correcção que nos fizeram chegar vários leitores a propósito do erro ortográfico que tão bem descriminaram. De facto, queríamos escrever discriminação no título e não descriminação.

Muito obrigado.

António disse...

É de lamentar que tão ilustre espaço, permita que se achincalhem de forma vergonhosa e de forma anónima, ilustre penacovenses,sem sequer se preocupar com a projecção de Penacova na internet. è pena que os seus autores alimentem os inúmeros vitupérios que são proferidos porque comenta.
Os 50000 visitantes não serão, por isso, algo de se possam orgulhar, pois nada do que aqui lêem pode dignificar,quer o concelho, quer os visados, apenas contribuindo para tornar desprezível esta foram de utilizar a blogosfera.
Se o tempo que perdem apenas tem como resultado o que se tem lido tem aqui, então não vejo porque razão teimam em continuar com esta farsa. Seria mais digno criar um espaço onde a calúnia e desrespeito fossem banidos e que se desse prioridade a um espaço onde a discussão acerca de como se deve contribuir para melhorar a vida dos que habitam no concelho de Penacova.
A ofensa gratuita e sob anonimato é um dos maiores actos de cobardia com actualmente todos os internautas se deparam. Já bem bastam aqueles que promovem descaradamente a violência e a inquietação no seio da comunidade que olha para a internet como um espaço de promoção da cidadania, quanto mais haver alguém que,sem o minímo de escrúpulos e sob anomimato faz questão de alimentar a discórdia,contribuindo assim para aumentar o descontentamento entre os utilizadores da internet.
Se for essa a inteção dos autores deste blogue,então continuem,não se devam queixar porém, se mais tarde os vossos filhos, se os tiverem, olharem para a internet em geral, e para a blogosfera, como algo que apenas promove a a discórdia e os afasta.
Não esqueçam que invariavelmente são citados nomes de pessoas que não têem que estar sujeitos à cobertura que é dada anonimato ofensivo.

Anónimo disse...

Penacova no seu melhor!
hei, estamos numa taberna...o vinho jorra!

Homem das Tabernas disse...

Caro António:

O nosso espaço, ao contário do que afirma, não promove a calúnia sob anonimato ou outra qualquer. Aliás, os taberneiros muito lamentam que tantos ódios se destilem por aqui, quando pretendemos, apenas, ser um espaço de humor, a partir da nossa observação (distorcida) da realidade. Talvez não saiba mas muitos comentários são pura e simplesmente eliminados por serem muito piores do que aqueles que considera desprezíveis. E não é tanto o anonimato que nos faz confusão, até porque também temos mantido a nossa identidade preservada. É mais a falta de cidadania revelada por alguns penacovenses, que colocam a defesa cega dos seus interesses partidários acima de todas as regras da boa educação. O que poderá acontecer um dia destes, não é o fim da taberna (como eles desejariam) mas possivlemente o fim da possibilidade dos nossos visitantes poderem comentar os textos que vamos publicando. Só ainda não o fizémos porque o espaço perde claramente em interactividade.
Enfim, vamos ver como a coisa corre.

Obrigado pela sua preocupação.

Anónimo disse...

Mas continuam a publicar comentários que identificam pessoas reais, que de fictícias não têm nada. Para o bem de Penacova não vejo o que fazem, sinceramente. Quem visita a nossa blogosfera deve ter uma óptima imagem da nossa terra e das nossas gentes, sim senhor. Parabéns por isso!

Mário Silva disse...

Isto é tudo manobras para acabar com o blog.
Já assim foi com o jogo de possíveis, que era um blog de autores identificados e que acabou penso que por causa da imensa pressão que se fez sobre as opiniões e dos autores que lá esreviam.
o problema de Penacova é a incapacidade que alguns tem para aceitar as ideias e criticas dos outros, por se julgarem donos da verdade e do concelho.

Mário disse...

Como penacovense que sou, sinto vergonha por a minha terra ser aqui retratada da forma que é.
É intolerável que os comentários nada tenham a ver com aquilo que os "taberneiros" publicam e, invarialvelmente, descambam para a ofensa, a politiquisse porca e de fraca qualidade. Se tudo isto é a única coisa que o "homem das tabernas" tem para oferecer a quem pretende saber algo sobre Penacova, então meus caros senhores, fechem a taberna, ou então lavem-lhe a cara por forma a que somente quem verdadeiramente se identificar possa comentar as coisas engraçadas que vocês publicam.
Não se esqueçam que existem jovens que vos visitam e a quem vocês dão um mau exemplo. Não é necessário permitir tudo e mais alguma coisa para que se atinjam os níveis de visitas desjados.
Quanto mais visitados sois, mais responsabilidade têm.

Anónimo disse...

A tática já é conhecida. Vamos abandalhar o espaço com ataques pessoais e ofensas gartuitas para que os autores se vejam obrigados a desistir. Os boys do PS nacional já fazem isso na blogosfera desde que o Sócrates começou a ver o rabo apertado com os diferentes casos mal explicados que foram surgindo sobre a sua pessoa. Se eu fosse aos taberneiros acabava com os comentários, se não acabam eles com vocês. Não se iludam. O PS Penacova está muito incomodado com vocês e, sei o que digo, vão continuar a matraquilhar tudo e todos aqui no blog, sempre que uma notícia for contra o querido partido. Pena é que o Presidente Humberto não se demarque desta gente, até porque o tenho em grande consideração.

Anónimo disse...

O presidente não tem que se demarcar de anónimos inúteis. Ele que se preocupe é com o que a estrutura do PS lhe anda fazer. Se não mostra quem manda, perde a câmara daqui a 3 anos.

Anónimo disse...

há aqui pessoas com capacidade para dar a volta ao texto. A maior parte dos comentários vêm do PSD que estão orfãos de liderança e tentam de todos os modos acabar com este blog.

Anónimo disse...

Não percebi este último comentário. Então se o PS esperneia sempre que os taberneiros brincam com eles, é o PSD ou outro partido que querem o fim da Taberna?

Esta está boa.

Red disse...

Pessoalmente também considero que este espaço fica a perder tirando os comentários.
Agora penso que não deviam permitir os anônimos, até porque torna-se complicado seguir as sequência, perceber o quem é quem e o que defende/pensa.
Acho que o blog só tinha a ganhar em termos de nível, com intervenientes devidamente identificados, mesmo que só por nickname´s.
Bom mas isto sou eu a magicar e os taberneiros é que decidem.
Boa continuação e aquele abraço fraterno.
Parabéns e longa vida a este blog.

Anónimo disse...

E O PC, PÁ?

façam um franchising da taberna...

O POVO UNIDO JAMAIS SERÁ VENCIDO!!!!!!

Óbvio disse...

Mas ainda existe PCP em Penacova, ou a parte que resta, escreve na blogosfera penacovense como forma de se manifestar politicamente, já que não o conseguiu nas urnas?

FA disse...

RED, tu não és anónimo?

Red disse...

Quando falo em "anónimo" penso no puro e duro, para não falar em parvo.
Eu, tenho nickname, blog, e logo algo muito mais...
Quando faço comentários, sou fácil de identificar por todo(a)s.
Não como aqueles que são referidos como das horas tantas ou tantas.
Esses sim são os verdadeiros anónimos...
Capiche ?

FA disse...

Capisce. se é isso que queres dizer.
Mas volto a referir, o ter um blog ou um nick não faz de ti alguem identificável.
A mim aparece FA porque me chamo Fábio Alves.
Já a ti aparece RED e eu continuo sem fazer ideia quem sejas.

Red disse...

Caro Fábio, para mim e grande parte da turma, o Fábio Alves tem a validade de um Red.
Mas podem sempre contactar-me directamente nos comentários do meu blog o no endereço mail associado.
E valerá sempre muito mais do que o Anómimo das 12H40.
Consegues perceber que oo Anómimo das 12H40 é a mesma pessoa do que o Anómimo das 15H10 ?
Até pode ser a mesma pessoa e aparecer com comentários completamente opostos, injuriosos, ...
Como é que contactas directamente essa malta ?
Usar um nickname já te identifica perante a platéia e obriga-te a ter a responsabilidade da coerência, educação, ...
Penso eu de que...
(Capiche : Italo-American dialect of capisci (in Wiktionary))

Anónimo disse...

E onde estão esses anónimos das 12,40 e das 15,10 H?

FA disse...

Capisce:
English[edit] Alternative forms:capice, capicé, CAPICHE, capeesh, capisch, capishe, coppish

Da próxima vez que fores ao Google pesquisa tudo e não o que te aparece em primeiro.

[edit] Etymology:
From Italian Capisce, third person present tense form of capire “to understand”, from Latin capere “to grasp, seize”. Related to capture.

"capisce" is a dialectal form of italian "capisci" second person present tense.



O que tu escreveste não é mais que uma forma alternativa.

Aliás, já não deves ser do tempo dos Western-Spaghetti do Sergio Leone. Talvez assim fosse mais fácil.


Quanto a mim, tambem me poderão contactar por mail, logo....

acho que já percebeste, não?

Red disse...

Obrigado pela informação completa mas dispenso: o que quis escrever foi mesmo Capiche (Do you understand ? Have you understood? ) e não outra forma/derivada qualquer.
E sim sou do tempo dos Western´s Italo/Espanhois, ainda hoje tenho uma certa fixação pelas músicas do Sergio e pelo Clint...
Também penso que já terás percebido o meu ponto de vista, senão tanto pior, porque por mim vou me ficar por aqui...

Red disse...

O que escrevi na minha resposta não está correcto e pode induzir em erro: falo das músicas dos filmes do Sergio, as do Ennio.
“Era uma vez no oeste”, “O bom, o mau e o feio” , mais tarde “Era uma vez na América”, para só citar essas, ainda hoje mexem comigo.
O Leone, o Eastwood e o Morricone enfeitaram o meu passado que hoje bem recordo...

Red disse...

Nova correcção, tá mau isto hoje... :((((((((((((((
Na Tugalândia não foi “O bom, o mau e o feio” mas sim O Bom, o Mau e o Vilão com Clint Eastwood, Eli Wallach e Lee Van Cleef.
Il buono, il brutto, il cattivo é considerado pela crítica e pelos fãs como um dos melhores westerns de toda a história do cinema.
Vale a pena rever... ;)))))))))))))))))))))))

FA disse...

From Italian capisce, third person present tense form of capire “to understand”,

o que escreveste não é mais que uma derivação do original...e eu como prefiro originais.....

de qualquer forma é bom recordar bons filmes.

Related Posts with Thumbnails